Calculadora de financiamento imobiliário: entenda por que usá-la

calculadora-financiamento-imobiliario
Tempo de leitura: 5 minutos

Conhecer suas possibilidades financeiras, o valor das parcelas e o prazo que você precisa para conseguir pagar a dívida são fundamentais antes de sair em busca de crédito para comprar sua nova casa. Por isso é tão importante procurar uma calculadora de financiamento imobiliário antes de bater na porta dos bancos. 

Você sabe por que não pode deixar de usá-la? E como são calculadas as parcelas e o custo de um financiamento de imóvel? Neste artigo, vamos explicar como fazer e o que precisa ser levado em conta nessas simulações, e como calcular as prestações do seu crédito com a ferramenta gratuita que a Loft disponibiliza para você. 

  • Afinal, o que é uma calculadora de financiamento imobiliário? 
  • Como calcular as parcelas de um financiamento imobiliário?
  • Como calcular a quitação antecipada de um financiamento imobiliário?
  • Como calcular o valor final de um financiamento imobiliário?
  • A Loft garante mais vantagens para seu financiamento de imóvel

Afinal, o que é uma calculadora de financiamento imobiliário? 

Uma calculadora de financiamento imobiliário é uma plataforma na qual você consegue simular as parcelas da sua operação de crédito conforme o prazo de pagamento, sua renda mensal e o preço do imóvel que pretende adquirir. 

Tal simulação facilita a vida do comprador. Com a calculadora, ele pode verificar suas próprias condições de arcar com a dívida, de quanto seriam as prestações mensais e qual seria o prazo de financiamento necessário. Ela é fundamental para você tomar decisões em relação a que imóvel comprar, em quanto tempo e se será necessário compor a renda bruta com mais alguém. 

É sempre recomendado que essa simulação seja feita antes de você buscar qualquer crédito imobiliário. Dessa forma, o comprador ganha um entendimento mais concreto sobre a margem de manobra que terá na operação. 

Se você quer saber como calcular seu financiamento imobiliário, comece a usar agora o simulador gratuito da Loft Cred. Ele leva em conta os seguintes aspectos, que você precisa informar na plataforma:

  • Sua renda mensal bruta
  • O valor do imóvel comprado ou a ser comprado
  • Quanto pretende dar de entrada 
  • Quanto pretende usar de FGTS como entrada 
  • O prazo de pagamento desejado 

Depois de providenciar essas informações, você só precisa preencher seu nome e email. E pronto: você saberá como pode ser sua primeira e última prestação, e se você pode arcar com o imóvel desejado. 

Como calcular as parcelas de um financiamento imobiliário?

Ao contrair um financiamento imobiliário, o banco empresta para você até 80% do valor do imóvel comprado. E esse valor deverá ser pago de volta ao banco, em prestações mensais. No entanto, não é só esse valor “puro” que será ressarcido. 

Como em qualquer serviço financeiro, deverão ser pagos juros e taxas, além de índices de correção (como a Taxa Referencial ou IPCA) que atualizam o valor devido para que ele não se desvalorize com o tempo. É preciso também contar com seguros obrigatórios em um financiamento, cujos valores também estão incluídos nas prestações. 

Por isso, para calcular as parcelas, você precisa levar em conta todos esses aspectos. A calculadora de financiamento te ajuda a ter uma ideia de como vão ficar suas prestações mensais ao longo do processo. A configuração dessas parcelas depende da modalidade que você escolher para o pagamento delas: se o Sistema de Amortização Constante (SAC), ou a Tabela Price. 

No Sistema de Amortização Constante, a primeira parcela é sempre a maior de todas. A amortização – uma parte do saldo devedor – é cobrada mensalmente no mesmo valor. Já os juros são calculados sobre o saldo devedor em aberto, e vão diminuindo com o tempo. Consequentemente, as prestações diminuem conforme o pagamento progride. É o modelo mais comum em financiamentos, e mais barato a longo prazo. 

Já na Tabela Price, o valor das prestações é igual todo mês – o que facilita a vida de quem não tem renda suficiente para arcar com uma parcela muito maior que as outras. O valor da amortização não é constante: ele aumenta conforme o tempo de financiamento progride. Ao contrário, os juros vão caindo aos poucos, pois o saldo devedor vai sendo diminuído pelas amortizações. 

Como calcular a quitação antecipada de um financiamento imobiliário?

A quitação antecipada de um financiamento imobiliário não é o mesmo que simplesmente pagar o valor de todas as parcelas restantes de uma só vez. O devedor precisa receber um desconto relativo ao valor dos juros previstos para essas parcelas (além de taxas e seguros que estariam embutidos nas prestações a vencer). 

Assim, a melhor opção é cobrar do banco credor o desconto pela quitação, que está previsto no Código de Defesa do Consumidor. O banco tampouco pode cobrar qualquer taxa para liberar a liquidação da dívida. 

Se, em vez de reduzir o prazo de financiamento, o devedor optar pela quitação imediata, ele deverá pagar o saldo devedor da operação, que será apurado pelo banco credor. O passo seguinte é solicitar a emissão de um boleto pela instituição. Evidentemente, os valores já pagos não são revisados. 

Existem algumas entidades que disponibilizam páginas para calcular a antecipação de parcelas de um financiamento imobiliário. Entre elas,  o Ministério Público de Santa Catarina e a Proteste

Confira dicas de como, e quando, investir na quitação antecipada do imóvel 

Como calcular o valor final de um financiamento imobiliário?

Para calcular o valor final de um financiamento imobiliário, é preciso somar o valor de todas as parcelas previstas. Ele vai ser consideravelmente maior que a quantia emprestada pelo banco, uma vez que as parcelas contêm não só parte desse crédito inicial (a amortização), mas também os juros da operação, seguros obrigatórios e taxas. 

No entanto, se você quer comparar a oferta de crédito de dois bancos diferentes, o recomendado é olhar não para o valor final, mas para o Custo Efetivo Total (CET) ao ano. Diferentemente da taxa de juros, ele inclui o percentual de todos os gastos que você terá com as suas prestações, incluindo:

  • Dois seguros obrigatórios (seguro de morte e invalidez e seguro do imóvel), que custam entre 0,5% e 1% de juros ao ano
  • Taxas de administração cobradas pelo banco
  • A taxa de juros anunciada pela instituição
  • Índice de correção fixado em contrato, como a Taxa Referencial (que está zerada desde 2017 pelo Governo Federal) ou o IPCA, ligado à inflação

E como obter o percentual do CET? Ser informado do Custo Efetivo Total é um direito do cliente e uma obrigação das instituições financeiras credoras, conforme estabelece o  Banco Central na resolução 3.517. Muitas delas já informam o custo médio em seus sites oficiais. Para operações de financiamento dentro do Sistema Financeiro de Habitação (SFH), que inclui imóveis de até R$ 1,5 milhão, o CET máximo é de 12% ao ano. 

Saber o Custo Efetivo Total também é importante na hora de avaliar uma possível quitação antecipada com recursos próprios. Se o CET for inferior ao rendimento de um investimento, por exemplo, vale mais a pena deixar a quantia investida e seguir financiando. 

A Loft garante mais vantagens para seu financiamento de imóvel

Se você quer financiar um apartamento novo, não deixe de checar o seu potencial de compra e o valor das parcelas que você pagará no simulador de financiamento imobiliário gratuito da Loft Cred. Na página, você pode ajustar o prazo de pagamento de acordo com seus planos. Pode descobrir até que preço você é capaz de pagar e em quanto tempo. 

Além de ter como calcular seu financiamento imobiliário, na página da Loft Cred você tem ainda a chance de solicitar uma proposta gratuita para nossa assessoria de crédito. Essa proposta é um contato inicial com nossos especialistas, que garantem a melhor taxa do mercado para seu financiamento.

O que eles fazem? Negociam a operação de crédito pretendida com esses bancos, em seu lugar. Assim, você aumenta as chances de obter ótimas condições de pagamento. Ao longo de todo o processo, nosso time também te orienta e resolve todas as burocracias e pendências, da reunião de documentos obrigatórios ao registro do contrato em cartório.

Tudo isso é gratuito para o cliente, que nem precisa sair de casa para garantir a obtenção de crédito. Nosso serviço é completamente digital, e não é restrito a quem tem imóveis cadastrados na plataforma da Loft. 

Quer garantir as melhores condições para seu financiamento? Comece por aqui.