Feng Shui: a arte de trazer boas energias para sua casa

feng-shui-loft
Tempo de leitura: 8 minutos

Entenda o que é Feng Shui, quais são seus principais conceitos e como aplicá-lo em casa na sala, cozinha, banheiro e quarto.

A crescente desconexão com a natureza nas grandes cidades tem impacto na saúde física e mental do ser humano, o que torna práticas como o Feng Shui cada vez mais populares. Na busca por equilíbrio em todas as áreas da vida, encontrá-lo em casa torna-se fundamental.

“Não é uma religião, mas uma filosofia de vida baseada na observação da natureza como inspiração para o caminho da realização humana. Aprender com a natureza e seus ciclos ajuda-nos a entender e encarar com naturalidade os ciclos de vida: altos e baixos, períodos de expansão e retração, juventude e maturidade”, diz Vera Sousa, consultora de Feng Shui. “Se tiver que definir em uma frase eu diria: aplicar técnicas de Feng Shui em casa é emprestar a sabedoria da natureza para favorecer sua vitalidade e autoconhecimento, ou seja, a sua vida.”

O que é Feng Shui ?

Com milhares de anos de história, o Feng Shui (que significa “vento” e “água”) trabalha, através de diversas técnicas, a relação saudável do ser humano e seu ambiente. Seu objetivo é conquistar harmonia interior através da harmonização de espaços

Baseado na filosofia taoista e no texto clássico chinês I Ching – O Livro das Mutações, tem hoje diversas escolas que compartilham o trabalho de equilibrar fluxos de energia através de cores, elementos e disposição de objetos. Tudo isso pode facilitar ou estagnar a circulação dessas energias.

Profundamente relacionado à Terra, ao universo e ao lugar das pessoas neles, o Feng Shui trabalha para encontrar ordem utilizando as 8 direções do céu:

  • Norte
  • Sul
  • Leste
  • Oeste
  • Noroeste
  • Nordeste
  • Sudoeste
  • Sudeste

Isso torna uma bússola (ou aplicativo que a contenha) importante para a prática, visto que as energias devem ser (re)direcionadas para aspectos da vida do praticante e convergir no centro, que representa a saúde. Já as 8 grandes áreas trabalhadas pelo Feng Shui são:

  • Sucesso 
  • Relacionamento 
  • Criatividade 
  • Amigos 
  • Carreira 
  • Sabedoria 
  • Família 
  • Prosperidade

Para quem deseja se aprofundar nos estudos de Feng Shui, Vera recomenda os autores Carlos Solano, Denise Linn e Lin Yun, assim como clássicos sobre filosofia taoísta e budismo.

O bá-gua do Feng Shui

Os fatores citados acima são parte do ba-guá, o mapa da harmonia do Feng Shui. É bom já avisar que ele é diferente nos hemisférios Norte e Sul – então não se esqueça desse detalhe

Visualmente parecido com uma mandala em forma de octógono, é ele que norteia os centros de energia de um espaço. Em seu centro, estão os famosos yin e yang, conceitos taoistas sobre a dualidade de tudo que existe e que representam a saúde. Cada uma de suas áreas tem um elemento específico que precisa ser nutrido para criar o bom Feng Shui.

pa-gua-feng-shui-loft

Para aplicar o ba-guá do Feng Shui, é preciso ter em mãos a planta baixa do imóvel em que se quer trabalhar com paredes, portas e janelas desenhadas. Não precisa ser exata mas, quanto mais próximas forem as proporções da realidade, melhor será a análise.

É possível fazer uso tanto do ba-guá em seu formato tradicional, um octógono, quanto ao dividir a planta em nove parcelas iguais. Em seguida:

  • Identifique a parede que contém a porta de entrada da moradia
  • Encontre seu ponto central na planta: ali estará o quadrante da área de trabalho do ba-guá, seu ponto inicial
  • Identifique as outras áreas em sentido horário e na ordem em que são apresentadas no ba-guá
No vídeo acima, é possível entender melhor como aplicar o Feng Shui através do ba-guá

Os 5 elementos do Feng Shui

Segundo a prática do Feng Shui, há 5 elementos vitais:

  • Madeira
  • Fogo
  • Terra
  • Metal 
  • Água

Cada um tem sua própria energia, que se expressa em cores, sons e direções. É ao identificar qual elemento rege uma dada parte da casa que é possível traçar um plano para potencializar essas boas energias.

E do mesmo jeito que o ba-guá é circular, a roda de cores do Feng Shui também é! E também trabalha para alimentar os elementos certos, nos lugares certos, através dos tons. Sua aplicação é potencializada quando você sabe em que ponto cardeal o cômodo está. Veja um exemplo abaixo:

feng-shui-mandala-loft
Paleta de cores para os elementos fogo, terra, metal, água e madeira, de acordo com o Feng Shui, via KnowFengShui.com

Leia também: Como fazer a combinação de cores para apartamento perfeita

3 mitos sobre Feng Shui

Feng Shui se resume a escolher a cor certa

“Na verdade, Feng Shui é uma ferramenta poderosa de autoconhecimento através da leitura da casa”, explica Vera Sousa. Há cores associadas à áreas e elementos, mas o trabalho não termina por aí.

Feng Shui rende dinheiro na certa

“Outro mito é acreditar que a prosperidade ou dinheiro cairá do céu assim que você colocar um objeto específico na área da prosperidade [uma das áreas do baguá]. Esse tipo de promessa ajuda a vender revistas, mas pode ser frustrante se não vier acompanhada de uma conscientização dos motivos que levam às recorrentes dificuldades financeiras”, fala Vera. 

Espelhos resolvem o Feng Shui

“O uso indiscriminado de espelhos é mais um mito”, começa Vera. “O Feng Shui clássico usa muito pouco os espelhos, por exemplo. Existem, evidentemente, indicações gerais, conceitos, mas nada pode ser aplicado sem considerar, acima de tudo, a cultura e gosto do cliente.”

Feng Shui: dicas para equilibrar a energia em casa

Além de aplicar o ba-guá para pensar em sua casa de uma maneira holística, também é possível utilizar regras gerais do Feng Shui, dicas que ajudam a equilibrar o fluxo de energia em uma moradia.

Isso acontece porque, dentro dessa prática, como os cômodos têm determinadas funções, tem também determinados elementos e energias. Adicionalmente, há a questão de evitar o “escape” energético que pode acontecer através de portas abertas e da disposição de portas, janelas e espelhos que ficam uns em frente aos outros.

Por envolver questões estruturais – inclusive entorno do terreno e ordem dos cômodos –, o ideal é pensar no Feng Shui antes da compra ou aluguel do imóvel. Mas ele também funciona em imóveis já de pé e pode ser um bom ponto de partida antes de reformas e novos começos de forma geral, como:

  • Novo rumo na carreira
  • Nova relação com a família
  • Novo momento de vida
  • Busca por compradores ou locatários do imóvel

Quando faz consultas residenciais especializadas no tema, Vera começa com um questionário para entender o momento do cliente, sua relação com o espaço e suas motivações. Depois, aplica técnicas sobre a planta do imóvel. Por fim, faz uma visita presencial de mais de duas horas para criar um memorial descritivo que guiará a implementação do projeto (caso seja feito online, o cliente se encarrega de mandar fotos e vídeos detalhados).

Para ela, é essencial entender que seres humanos são parte da natureza e tudo é energia que se expande, vibra e retrai. “Se um dedinho do pé está machucado, sentimos o reflexo em todo o corpo. A casa também pode alimentar ou drenar a sua energia se tiver partes precisando de cuidado, assim como o dedinho do pé. Por isso, o primeiro passo é escutá-la e observar onde dói.” Na prática, explica ela, isso significa prestar especial atenção em portas que rangem ou não abrem, janelas quebradas ou sujas, armários cheios demais ou áreas sempre desorganizadas.

Entre as dicas de Feng Shui, Vera destaca:

  • Ter somente aquilo que te representa e faz feliz
  • Fazer uma limpeza abrangente do imóvel (parede, móveis e, por fim, chão) 
  • Adicionar gotas de óleo essencial de eucalipto à última água da limpeza
  • Garantir que a porta de entrada abre pelo menos 90 graus sem ranger, nem emperrar
  • Verificar se o primeiro objeto que se vê da porta te representa e alimenta sua energia
  • Atentar ao tamanho do mobiliário em relação ao espaço e eliminar bloqueios para circulação de ar
  • Retirar televisão, computador e celular (energia eletromagnética) dos quartos a fim de descansar corpo e mente

Fengh Shui na sala

Imagine um ambiente cheio de coisas, móveis, quadros nas paredes, lustres no teto. Quando você pisa nele, pode se sentir sufocado. A energia também. Por isso, essa prática milenar chinesa indica que, em termos de Feng Shui na sala, é importante liberar o caminho.

A porta principal é por onde a energia (e, com ela, sorte, saúde e prosperidade) entra. Por isso, é preciso permitir a livre circulação, sem apetrechos ou muitas coisas espalhadas. Não a bloqueie nem de dentro, nem de fora: se a energia conseguir entrar, é bom que ela também se alimente uma vez lá dentro. Por isso, arte e fotos muitos melancólicas ou pesadas devem ser transferidas para outro ambiente.

Por ser o coração social da casa, o Feng Shui na sala deve ser especialmente atraente. Para tanto:

  • Privilegie a luz solar e a ventilação natural 
  • Não coloque o sofá à frente de uma janela 
  • Pendure e exiba imagens e pôsteres positivos 
  • Preste atenção no que o espelho reflete
feng-shui-sala-loft
Feng Shui na sala: sofás não devem estar na frente de janelas

Feng shui no banheiro

Devido à presença de ralos no local, por onde pode escoar a boa energia, o Feng Shui no banheiro tem uma dica de ouro: mantenha a porta e a tampa do vaso sanitário fechadas. Se quiser colocar um espelho na porta, do lado de fora, também pode. Além disso, evite deixar itens estragados, quebrados ou lascados: o ideal é reparar o dano assim que possível. 

Feng shui no quarto 

As dicas de Feng Shui no quarto podem conter algumas surpresas. Embora espelhos sejam bem-vindos em outros ambientes, por exemplo, aqui, na zona de descanso e relaxamento, podem refletir a energia para outro lugar

E você já pode ter ouvido falar sobre a posição da cama no Feng Shui. É verdade que existe esse conselho: é melhor posicioná-la contra uma parede sólida, com vista para a porta, mas sem compartilhar a parede com a porta de entrada. A ideia é que, dessa maneira, é possível ver as pessoas, energias e possibilidades que se aproximam da sua vida.

A simetria também é importante. Mesmo que você more sozinho, busque posicionar sua cama de tal maneira que haja espaço de seus dois lados e decore ambos de maneira similar. Não precisa ser idêntico, mas pelo menos proporcional.

Como relaxamento é palavra-chave, invista em coisas gostosas para os sentidos, como tapetes macios, luzes tranquilizantes e aromas de óleos essenciais. Na mesma toada de descanso, evite ter distrações que sugam sua energia (leia-se: dispositivos eletrônicos) no local. Não sabe levantar na hora sem o celular? Cogite um despertador clássico!

feng-shui-quarto
Simetria é importante para Feng Shui no quarto: deixe a cama acessível pelos dois lados e replique os acessórios em cada um (não precisam ser idênticos, semelhantes bastam)

Cores para quarto de casal (feng shui) 

Quando se trata de cores para quarto de casal, no Feng Shui indica-se escolher entre nuances de cor de pele humana. E não precisa ser da sua cor! Busque uma paleta que contemple esse conjunto e, instintivamente, pense naquela que faz mais sentido e traz tranquilidade.

Feng Shui na cozinha

Na tradição chinesa, a cozinha é um ambiente especialíssimo. É daí que sai o alimento para o corpo e, através do ato de alimentar a si e ao outro, para a alma. Por isso, o Feng Shui na cozinha é muito importante.

Assim como em qualquer outro cômodo, o primeiro passo é se livrar de qualquer coisa quebrada: conserte-a ou descarte-a. Coisas quebradas atrapalham a energia positiva e criam energia negativa. Isso também se aplica aos alimentos: se estragou, jogue fora imediatamente. Já frutas e flores frescas à vista atraem boas energias.

feng-shui-cozinha-loft
Frutas frescas à vista são boas para Feng Shui na cozinha

Em seguida, pense nas partes essenciais da cozinha em termos de elementos. O fogão remete ao fogo, enquanto a pia e a geladeira, à água. A ideia é evitar (quando possível) que fiquem lado a lado ou frente a frente, e sim em uma diagonal. Não consegue rearranjar a planta dessa maneira? Tudo bem: um espacinho, como um pedaço de balcão, entre um e outro já funciona.

Pronto para aplicar o Feng Shui em sua nova casa? Conheça o portfólio de apartamentos de luxo em São Paulo da Loft!