Veja como você pode usar seu próprio imóvel para financiar uma reforma

reformar-imovel-garantia
Tempo de leitura: 5 minutos

Ninguém quer morar em um apartamento envelhecido e disfuncional, certo? Por isso, reformar é um passo tão importante para tantos proprietários, seja para quem pretende revitalizar o imóvel que ocupa ou vendê-lo mais valorizado (e mais rápido, possivelmente).

Uma das principais questões que aparecem nessa hora é: como pagar pela reforma? Neste artigo, você vai descobrir que a chave para obter recursos pode estar na sua própria casa: uma solução barata e vantajosa é usar seu imóvel como garantia para financiar a obra. 

Ao ler este artigo, você vai saber:

  • O que é crédito com garantia de Imóvel?
  • Vale a pena usar seu próprio imóvel como garantia para obter crédito para reforma?
  • Quais são as outras formas de obter crédito para reformas de imóvel?
  • O que é preciso para obter um empréstimo com garantia de imóvel?
  • A Loft te ajuda em todas as fases de uma reforma

O que é crédito com garantia de Imóvel?

O crédito com garantia de imóvel (CGI), ou home equity, é uma forma de empréstimo em que o imóvel é colocado como garantia para uma instituição credora em uma operação de crédito. 

Com essa garantia, o credor tem mais segurança em relação ao pagamento da dívida: em caso de inadimplência, essa instituição pode leiloar o imóvel para cobrir o “rombo” deixado pelo devedor. 

Graças a essa segurança, as instituições normalmente oferecem para esse tipo de empréstimo as melhores condições do mercado – taxas de juros bem menores que em outras modalidades e até 20 anos de prazo de pagamento. 

O valor aprovado para o empréstimo corresponde a até 60% do valor do imóvel. A quantia é liberada de uma vez para o solicitante, e pode ser quitada junto ao banco ao longo de parcelas previamente acordadas.

Como a destinação do dinheiro é livre, diferente do que ocorre em um financiamento imobiliário, você pode conseguir recursos para aplicar na sua reforma. O curioso é que o imóvel a ser reformado acaba facilitando a obtenção de recursos para sua própria revitalização. 

O empréstimo com garantia de imóvel é uma das apostas do Banco Central para estimular o crédito no país: a instituição projeta um potencial de crédito de R$ 500 bilhões nos próximos anos

Segundo dados também do Banco Central fornecidos ao jornal O Globo, as operações de crédito com garantia de imóvel cresceram 45% de janeiro a maio de 2020 em relação ao mesmo período de 2019, chegando recentemente a quase 100 mil operações no país envolvendo R$ 11 bilhões. 

Vale a pena usar seu próprio imóvel como garantia para obter crédito para reforma?

Quando falamos em colocar um imóvel como garantia, muita gente se assusta achando que, ao contrair o empréstimo, estará fadada a perder o imóvel. Mas as ótimas condições oferecidas nessa operação fazem com que a situação dificilmente cheguem a esse ponto. 

“Os maiores receios se dão com a possibilidade do consumidor perder o imóvel”, reconhece Marcus Vinicius dos Santos, especialista em crédito com garantia de imóvel do time de canais da Loft . “Mas é importante pontuar que é extremamente raro os casos em que a pessoa perde o imóvel dela”. 

Sem esse receio, você pode aproveitar as boas condições que a modalidade oferece: valor expressivo liberado (até 60% do valor do imóvel) e destinação livre dos recursos – diferentemente das linhas de crédito que financiam materiais de construção. Mas o principal benefício são as taxas de juros bem menores que as de outros tipos de operação.

Para se ter uma noção, a assessoria gratuita da Loft Cred ajuda você a obtê-lo por uma taxa de juros de 10,7%  ao ano + IPCA (em valores de setembro de 2020). Em abril de 2020, a taxa média de juros praticada para o cheque especial ficou em 120% ao ano segundo o Banco Central. Já os juros para empréstimo pessoal não consignado estavam em 86,4% ao ano. Para o cartão de crédito parcelado, a taxa média era de 148,8% ao ano. 

Ao mesmo tempo, você pode destinar uma eventual quantia excedente a outra despesa que precise quitar no período: uma dívida no cartão de crédito, uma viagem, o pagamento de um curso e outros. 

Quais são as outras formas de obter crédito para reformas de imóvel?

Os bancos até oferecem alternativas para financiar obras, mas com opções que geralmente limitam as despesas a materiais de construção. Sem destinação livre dos recursos, você não pode, por exemplo, financiar projetos de paisagismo ou a decoração do imóvel. 

O Construcard é uma das alternativas mais populares entre essas linhas de crédito. Trata-se de um financiamento da Caixa Econômica Federal para a aquisição de material de construção por meio de um cartão. Ele pode ser usado em até seis meses depois de aprovado o crédito em uma rede de lojas credenciadas (veja quais são aqui). 

Após os seis meses, o devedor começa a pagar pelas compras. O prazo de financiamento, segundo a Caixa, varia entre 1 e 240 meses, e as parcelas são do tipo PRICE (com o mesmo valor todo mês). Bancos como Itaú, Bradesco e Banco do Brasil também oferecem soluções com a mesma lógica do Construcard. 

Uma outra alternativa para obter liquidez com aplicação livre seria um empréstimo pessoal. Como já vimos, no entanto, ele tem taxas de juros muito maiores que o crédito com garantia de imóvel. 

É importante destacar também que, no Brasil, o financiamento de imóveis não inclui despesas com obras, o que limita a possibilidade de reformas no momento da aquisição de um apartamento ou casa.

Vale a pena reformar antes de vender? A corretora Patrícia Jucá dá algumas dicas no vídeo acima

O que é preciso para obter um empréstimo com garantia de imóvel?

Para conseguir um empréstimo com garantia de imóvel, você vai precisar passar por uma análise de crédito empreendida pelo banco credor. Ele vai verificar sua renda, seu histórico enquanto bom pagador, a eventual presença do seu nome em listas de restrição interna e outros quesitos, como comprovação de renda suficiente para honrar as parcelas do empréstimo. 

Geralmente, esses são alguns quesitos particulares para a aprovação da operação: 

  • Se o imóvel for financiado, o saldo devedor deve estar abaixo de 30% do valor do imóvel
  • Ter até 77 anos. Caso você seja mais velho, é preciso “realizar a operação junto com um parente próximo mais novo, para viabilizar a aprovação do banco”, aconselha Marcus Vinicius dos Santos. 
  • Não oferecer um imóvel com usufruto ou em inventário. No caso de imóveis em inventário, o processo deve estar finalizado e o proprietário constando na matrícula.

Além desses requisitos, atente para a documentação exigida para a operação: 

  • RG ou CNH
  • Se for casado ou tiver união estável, RG e CPF do cônjuge
  • Certidão de estado civil
  • Comprovante de residência
  • Capa de IPTU (com a metragem do imóvel)
  • Matrícula do imóvel 
  • Documentos de comprovação de renda, como holerites, recibo da declaração do imposto de renda mais recente e extratos bancários 

A Loft te ajuda em todas as fases de uma reforma

Na Loft, podemos ajudar a tornar sua reforma real. Tudo começa com a obtenção do empréstimo, através da Loft Cred. Trata-se de uma assessoria gratuita da Loft que, além de cuidar de toda a burocracia e documentação envolvidas no processo, negocia taxas e prazos de pagamento diretamente com as principais instituições financeiras do país. 

Com isso, a Loft Cred é capaz de garantir a melhor proposta possível para o crédito. E você pode só começar a pagar depois de um período de seis meses – opção ideal para quem quer reformar um apartamento antes de vendê-lo.

Se quiser saber mais sobre o crédito com garantia de imóvel e simular as parcelas da operação, acesse a página da Loft Cred. 

Garantidos os recursos, a missão não acabou: é hora de reformar o imóvel. Para isso, a Decorati coloca à sua disposição uma equipe de especialistas para coordenar toda a renovação do imóvel.

A reforma com a Decorati inclui desde arquitetos responsáveis por projetar e orçar sua reforma até informações contínuas sobre o status da obra, com supervisão profissional e fotos. Toda a mobília também fica a cargo da Decorati, garantindo beleza e praticidade para seu imóvel. 

O contrato pode ser assinado online e você nem precisa sair de casa. A Decorati segue prazos rigorosos de entrega, garantindo a obra dos sonhos sem as dores de cabeça convencionais que costumam tirar o sono de proprietários. 

Confira o “antes e depois” de imóveis e os benefícios de reformar com a Decorati.