limite-valor-financiamento-imoveis

Existe valor limite para financiamento de imóveis? Conheça caso a caso

8 MINUTOS DE LEITURA

Existem diferentes linhas de crédito pelas quais você consegue financiar seu imóvel. E, naturalmente, cada uma tem suas próprias regras. Uma das condições que muita gente fica de olho em cada uma delas é o valor máximo da operação: afinal, qual o limite para o financiamento de imóveis? 

Neste artigo, a gente vai te mostrar as diferenças de limite para o financiamento de imóveis novos e usados; valores máximos pelos famosos SFH, SFI e SBPE; e tirar outras dúvidas que vão facilitar sua vida e expandir o leque de possibilidades na hora de financiar seu apê ou casa!

Existe valor limite para o financiamento de imóvel usado?

Existe sim um valor limite para o financiamento de imóveis usados – dependendo da modalidade pela qual você quer financiar! 

Usando o Sistema Financeiro da Habitação (SFH), principal instrumento para financiamento de imóveis no país, o valor máximo do imóvel que você pode financiar é de R$ 1,5 milhão. Já pelo Sistema de Financiamento Imobiliário (SFI) não existe teto definido. Vale deixar claro que o SFH só pode ser usado para imóveis residenciais, dentre outras regras (conheça as diferenças entre os sistemas aqui).

E, de forma geral, existe ainda um limite para o financiamento de imóveis usados quando a gente fala do percentual do valor do imóvel que você quer adquirir (não é regra, mas são raríssimos os casos de financiamento de 100% do valor). Neste caso, dependendo do banco e da modalidade de financiamento escolhidos, dá para conseguir ofertas que financiam desde a metade até 80% a 90% do valor total dele.

Qual o limite para financiamento de imóveis na planta?

Quando o assunto é qual o limite para financiamento de imóveis na planta, existem possibilidades de financiamento oferecidas diretamente pelas incorporadoras, mas também é possível conseguir crédito em condições vantajosas também procurando por conta própria. 

Pelo SFH, antigamente o limite era mais baixo, com valores ligeiramente maiores liberados para São Paulo, Rio de Janeiro e Distrito Federal. Porém, desde 2019 o valor limite para imóveis na planta ou usados é de R$ 1,5 milhão. Neste caso, uma das primeiras regras para que o financiamento na planta seja concedido inclui a avaliação, por parte do banco, do empreendimento ainda não terminado. 

Já pelo SFI, o financiamento não tem limite máximo de valor e é mais flexível: até 90% do valor do imóvel na planta pode ser financiado. Já o Casa Verde e Amarela segue regras específicas não só baseadas em qual o limite para o financiamento de imóveis na planta, mas também no limite de renda mensal máxima de R$ 7 mil por família.

Qual o valor limite para financiamento no SFH e no SFI

Assim como a gente viu nos tópicos anteriores sobre qual o valor limite para financiamento no SFH e no SFI para imóveis usados e na planta, vale esclarecer: apenas o SFH, que é regulado pelo governo, tem um teto. 

No SFH, este valor máximo é de atualmente R$ 1,5 milhão por imóvel (residencial) financiado, com prazo de pagamento máximo de até 35 anos. Ah: e financiamentos pelo SFH permitem o uso do FGTS para pagar a entrada, amortizar o saldo devedor ou compor as parcelas. Taxas de juros também são reguladas nele.

Já o SFI, que tem um modelo menos regulado, não tem este teto. Nele, é possível financiar imóveis residenciais e também comerciais de valor superior a R$ 1,5 milhão. Também não há qualquer regra em relação às taxas de juros cobradas pelos bancos e ao Custo Efetivo Total (CET). E uma notícia boa para quem quer utilizar o FGTS é que em 2021 também foi aprovada a possibilidade de uso de saldo do fundo no SFI.

Independente do que você fizer e de qual qual o valor limite do seu financiamento (no SFH ou no SFI), a palavra é planejamento! É muito importante você ter em mente também o valor necessário para a entrada, as taxas de juros, as parcelas mensais e o CET (Custo Efetivo Total) da operação.

Diferenças entre o SFH e o SFI na hora de financiar seu imóvel  Fonte: kzas.ai

Até que valor posso financiar o meu imóvel pelo SBPE?

Se você chegou aqui com a questão “até que valor posso financiar o meu imóvel pelo SBPE?”, vale a pena a gente esclarecer antes: o Sistema Brasileiro de Poupança e Empréstimo (SBPE) não é só uma linha de crédito, mas é também a base da maioria dos financiamentos imobiliários do Brasil. O SFH e o SFI usam os recursos do SBPE, que vêm da poupança, para operarem. 

Para quem financia diretamente com a linha própria do SBPE pela Caixa, o banco oferece uma linha de crédito sem estipular limites de valor – mas com teto de 80% do valor do imóvel e até 35 anos para pagar a dívida. Com o SBPE também é possível financiar um segundo imóvel. 

E também dá para aproveitar opções mais caras fora do SFH com o SBPE, até o valor que você possa financiar o seu imóvel, e não apenas R$ 1,5 milhão – mas como a Caixa deixa claro, o saldo do FGTS não pode ser um recurso a mais nesse caso. 

“E se usar o SFH no financiamento pelo SBPE, até que valor pode abater usando FGTS?”

Fazendo uso do SBPE através do SFH, você pode inteirar o que tiver à disposição do seu FGTS para a amortização ou liquidação do saldo devedor. Além de reduzir o saldo devedor, você pode até quitar totalmente o débito, caso tenha saldo suficiente na conta do FGTS.

O valor máximo do imóvel avaliado segue R$ 1,5 milhão. Em 2021, este limite também serviu de base para as mudanças no SFI, que preveem o uso do saldo no fundo também. 

Qual o valor máximo da linha pró-cotista?

A linha de financiamento pró-cotista é adotada por bancos públicos e é uma opção para quem tem conta ativa no FGTS há pelo menos 36 meses. Ela usa os recursos do fundo para financiar imóveis com pagamento em até 30 anos.

Assim como no SFH, o imóvel de valor máximo na linha pró-cotista é de R$ 1,5 milhão. E, como em financiamentos do SBPE, a renda familiar bruta do comprador não pode ser comprometida em mais de 30% nas parcelas. Aqui também dá para usar contas inativas do FGTS para completar o débito. 

E, ao contrário de outras linhas de crédito adotadas por bancos públicos como o programa Casa Verde e Amarela, você não precisa se enquadrar em nenhum valor máximo de renda na linha pró-cotista. Por outro lado, também não pode ser proprietário ou estar financiando outro imóvel na cidade em que more ou que trabalhe. Conheça mais sobre esta forma de financiar.

Existe idade limite para financiamento de imóveis?

Sim! A idade limite para financiamento de imóveis nos principais bancos é de 80 anos e 6 meses ao final do financiamento. Ou seja, se você tem 65 anos, pode realizar um empréstimo de até 15 anos. Já quem fez exatamente 70 anos de idade tem somente 10 anos e 6 meses.

Neste caso, considerando a idade limite para financiamento de imóveis, é bom ir se planejando até a meia-idade caso você queira fazer um financiamento com parcelas menores e mais tranquilas de pagar ao longo de mais tempo!

Dentre tantas possibilidades, é fundamental fazer a escolha com calma

Você viu quantas possibilidades existem na hora de escolher uma linha de crédito para financiar seu imóvel e realizar o sonho de ter uma casa própria, né? Não importa qual seja sua escolha: planejar com cuidado e calma para não se enrolar mais à frente é o mais importante que você pode fazer na hora do financiamento. 

Mas pode relaxar se você estiver se programando para dar entrada em um financiamento: a gente te ajuda em todo esse processo! O time da Loft negocia a aprovação do seu crédito diretamente com os principais bancos do país, garantindo que você possa escolher a proposta mais vantajosa para o seu bolso – sem ter que se estressar com burocracias como documentação e registro do contrato de financiamento. Tudo sem custos extras!

Do início ao fim do seu financiamento, a gente está do seu lado para garantir o melhor para você assegurar seu imóvel numa boa. Vem conhecer o apê dos seus sonhos com a Loft!

Outros assuntos que podem lhe interessar

Assine nossa Newsletter
Assine nossa newsletter