Com quanto de score consigo um financiamento imobiliário? Veja como funciona o score de crédito

com-quanto-score-posso-fazer-financiamento-imobiliario
Tempo de leitura: 7 minutos

Uma pergunta comum entre interessados em adquirir um novo imóvel é: “afinal, com quanto de escore consigo um financiamento imobiliário”? Este artigo pretende responder essas e outras questões relacionadas à análise empreendida pelos credores sobre o histórico de pagamento dos clientes. 

Também vamos explicar como funciona o score de crédito e o que você pode fazer para melhorá-lo, aumentando assim suas chances de ver aprovado o financiamento imobiliário com o qual vem sonhando. 

Neste texto, você encontrará: 

  • Com quanto de score consigo um financiamento imobiliário?
  • Qual score mínimo para financiamento imobiliário?
  • Como saber qual é o meu score para fazer um financiamento imobiliário?
  • Como o score influencia no financiamento imobiliário?
  • Como aumentar o score para financiamento imobiliário?
  • Como conseguir financiamento imobiliário com score baixo?
  • 5 perguntas frequentes sobre o score de crédito
  • Qual o melhor score para financiamento imobiliário? 

Com quanto de score consigo um financiamento imobiliário?

A resposta para essa pergunta pode variar, a depender do banco e da disposição da instituição em oferecer crédito. Primeiro, precisamos entender o que é e como é usado o score na hora de analisar a liberação de um financiamento imobiliário. 

Score de crédito é uma pontuação que varia entre zero e 1.000 pontos, e resulta dos seus hábitos de pagamento e histórico no mercado de crédito. Esta cotação, mantida por órgãos de proteção ao crédito como o SPC, o Serasa e o Boa Vista, fica atrelada ao seu CPF e é analisada pelos bancos na hora em que você vai contratar uma operação de crédito. 

Quanto melhor pagador você for, mais próximo de 1.000 será seu score de crédito. Uma pontuação entre 300 e 700 é considerada de risco médio, e entre 700 e 1.000, de risco baixo de inadimplência. 

Com isso, uma boa pontuação faz com que as instituições financeiras tenham mais confiança na sua capacidade de honrar pagamentos e quitar sua dívida no futuro. Assim, as condições e valores liberados pelos bancos podem ser mais favoráveis para você. 

Vídeo do Serasa Explica como funciona o score de crédito

O score não serve apenas para obter crédito bancário, como em financiamentos, empréstimos pessoais ou em empréstimos com garantia de imóvel (home equity). Redes de lojas, empresas de TV a cabo, internet e telefonia, por exemplo, também usam esses dados para orientar seus negócios. 

Qual o score mínimo para financiamento imobiliário?

Segundo Daniela Alves, que atua na área de financiamentos imobiliários da Loft Cred a pontuação do score para financiamento imobiliário deve, idealmente, ser maior ou igual a 700 pontos para garantir boas condições ao cliente. 

“A pontuação a partir de 700 é considerada boa o suficiente para conseguir mais facilmente empréstimos com valores mais altos. Esse é o score mínimo para obter um financiamento imobiliário bom”, explica a especialista. Por outro lado, é preciso ressaltar que as instituições financeiras muitas vezes têm seus próprios scores de crédito, que funcionam de forma independente do Serasa ou do SPC. 

Como saber qual é o meu score para fazer um financiamento imobiliário?

Se você quer descobrir qual é o seu score antes de fazer um financiamento imobiliário, é possível consultar seus dados no site do Serasa ou do Consumidor Positivo. É preciso informar seu nome, data de nascimento, número de CPF e cadastrar uma senha. 

Como o score influencia no financiamento imobiliário?

O score de crédito influencia no financiamento imobiliário facilitando ou dificultando o crédito para determinado indivíduo, de acordo com sua pontuação no cadastro. Os bancos avaliam essa pontuação na hora de empreender a análise do seu perfil. Mas a autorização para o financiamento leva em conta também outros fatores, como relacionamento com o banco, sua renda mensal e eventuais pendências jurídicas. 

Um histórico de crédito negativo, visível por uma baixa pontuação, pode limitar o valor que o banco libera para um determinado cliente e as condições de pagamento de um financiamento. Em último caso, a análise de crédito pode fazer essa pessoa não ser aprovada para o financiamento imobiliário.

Uma pesquisa da Serasa Experian mostrou que consumidores sabem da importância do score e costumam consultá-lo. O estudo aponta que 72% dos entrevistados (1.595 pessoas)  já consultaram o score em alguma situação, e 100% deles já ouviram falar do score. 

Dentre as pessoas ouvidas pela instituição, existe um reconhecimento majoritário da importância do score. Metade dos consumidores que tiveram uma operação de crédito negada atribuem esse resultado ao score ruim, e 71% de todos os entrevistados acreditam que é mais fácil conseguir crédito utilizando a pontuação do score.

Como aumentar o score para financiamento imobiliário?

Aumentar o score para o financiamento imobiliário é possível – e é um esforço válido para quem está mesmo interessado em obter crédito. A seguir, confira algumas dicas para melhorar a pontuação associada ao seu nome e conseguir um financiamento imobiliário com mais tranquilidade:

  • Limpe seu nome. Um ponto fundamental é revisar suas dívidas atrasadas e pagá-las, nem que você tenha que negociar com os credores para chegar a uma solução. Uma vez resolvidas as pendências, prepare-se financeiramente para manter suas prestações e contas em dia no futuro.
  • Mantenha seu cadastro atualizado. Lembre-se de informar seus dados atualizados ao Serasa e comunicar caso algum deles precise ser alterado. Você pode fazer isso clicando aqui
  • Recorra a estratégias para pagar contas em dia. Mantenha esse compromisso. Se possível, use o débito automático para pagar suas contas. Isso evita o risco de você simplesmente esquecer dos boletos e ter o nome negativado sem motivo
  • Evite pedidos de crédito desnecessários. aumentar o limite de seu cartão, por exemplo, não vai te fazer ser bem visto pelas instituições financeiras. E isso pode ser a porta de entrada para exageros que vão te negativar no futuro. 
  • Coloque contas da casa em seu nome. Essa vale para quem divide despesas com mais alguém. Colocar contas em seu nome e pagá-las sem atraso fortalece seu cadastro positivo, que leva em conta o histórico de bom pagador em vez do de inadimplência e pode beneficiar quem mantém despesas em dia. 

A educadora financeira Nathália Rodrigues, a Nath Finanças, explica em seu canal que pedir às empresas para prorrogar as datas de vencimentos das suas contas pode ser uma solução para quem só recebe o salário depois que os boletos vencem. “Alterar o vencimento pode e é de graça em algumas instituições financeiras”, destaca Nath, que dá outras dicas no vídeo abaixo:

Nath Finanças ensina como melhorar o seu score de crédito.

Como conseguir financiamento imobiliário com score baixo?

É preciso ter em mente que outros fatores além do score são analisados pelas instituições financeiras na hora de oferecer crédito. Por isso, conseguir financiamento imobiliário com score baixo passa por investir no fortalecimento desses outros elementos. Entre eles estão manter  bom relacionamento com o banco credor e ter renda documentada compatível com o financiamento pretendido. 

Roberta Oka, que atua na área de financiamentos imobiliários da Loft Cred, explica que bancos por vezes utilizam seus próprios scores de crédito, que são diferentes dos que visualizamos ao acessar os dados do Serasa, por exemplo. 

Por isso, investir em melhorar seu score junto ao banco onde pretende obter o financiamento pode ser uma saída para quem quer fazer um financiamento imobiliário com score baixo.

“O ideal é que essa pessoa melhore o financiamento dela com o banco e o score dela dentro dessa instituição. O score é um dado confidencial, e às vezes o banco não divulga nem para o contador. O recomendado é que ela vá ao gerente, contrate algum produto, faça algo no débito automático”, ensina Roberta. 

Se você ainda está se perguntando com quanto de score consegue um financiamento imobiliário, uma assessoria de crédito pode ajudar, pois ela consulta as propostas de vários bancos para o seu crédito ao mesmo tempo. 

É assim que atua a Loft Cred. Com um time de especialistas, o serviço é gratuito e digital para o cliente, e busca sempre as melhores condições do mercado para o seu financiamento. Outra vantagem de ser assessorado pelos profissionais da Loft Cred é que você envia os documentos de uma só vez e não precisa lidar com a burocracia presente nesse processo. 

Se você está interessado em um financiamento, faça seu cadastro com a Loft Cred e garanta as melhores condições para seu financiamento. 

5 perguntas frequentes sobre o score de crédito

É possível pagar para melhorar o score de crédito?

Não se poder pagar para que uma empresa aumente seu score de crédito. Se você encontrar um serviço assim sendo anunciado, fuja: trata-se de um golpe. Você consegue aumentar o seu score seguindo algumas das recomendações já mencionadas neste artigo. 

Por que limpei meu nome e meu score ainda não está alto? 

De acordo com o Serasa, o score tenta medir o histórico de bom pagador, incluindo negativações passadas que você sofreu. Naturalmente, quem nunca atrasou uma dívida na vida provavelmente tem uma cotação mais alta que quem acabou de renegociar um débito que se arrastou por anos. Mas lembre-se: os dados são dinâmicos e vão melhorar conforme você se mantém como um bom pagador. 

SPC e Serasa são a mesma coisa?

Não. As duas instituições são diferentes birôs de crédito e cada uma das duas elabora seu score entre 0 e 1.000, com diferentes fórmulas. O SPC está ligado ao setor comercial, e reúne informações sobre cheques protestados, sem fundo e outros problemas de pagamento que alguém tem junto ao comércio. O banco de dados do SPC, por exemplo, no é coletado por lojistas credenciados.

Já o Serasa cobre o setor bancário, obtém suas informações de instituições financeiras. Isso inclui dívidas de financiamentos, empréstimos e cartões de crédito, por exemplo. 

O score de crédito só existe no Brasil?

Não. Esse sistema funciona em outros países, como Estados Unidos, França e Itália. Nos Estados Unidos, por exemplo, o credit score abrange uma pontuação de 300 a 850 e também influencia as chances de obtenção de um empréstimo, por exemplo. Você pode saber mais consultando o portal de informações do governo americano

Posso acessar o score de crédito de outras pessoas que eu conheço?

Não pode. O score de crédito só está disponível para empresas e para o próprio consumidor consultar. Pessoas físicas só podem acessar o sistema informando dados pessoais, como CPF e data de nascimento. 

Qual o melhor score para financiamento imobiliário? 

O melhor score para financiamento imobiliário é sempre o mais próximo de 1.000 pontos possível. No entanto, como mostramos ao longo deste artigo, um score a partir de 700 pontos já revela um bom pagador e garante um financiamento sem transtornos. 

Também é possível melhorar seu score de crédito apostando em algumas estratégias: pagar contas em dia, renegociar suas dívidas, atualizar seus dados pessoais nos cadastros de crédito. 

Se você ainda se pergunta com quanto de score consegue fazer um financiamento imobiliário, saiba que ter um serviço de assessoria como a Loft Cred na hora de fazer um financiamento aumenta suas chances juntos às instituições credoras. Para saber quais são as condições de crédito que cabem no seu bolso, simule aqui seu financiamento imobiliário