vender-imovel-carta-de-credito

O que é carta de crédito e qual seu uso em negociação imobiliária?

8 MINUTOS DE LEITURA

A carta de crédito imobiliário é uma forma bastante consolidada de garantir um imóvel pagando aos poucos, como parte de um consórcio. Para quem vende o imóvel, do outro lado da negociação, também existe a vantagem de poder receber os valores da carta de crédito como um pagamento à vista. 

Nesse artigo, a gente vai mostrar melhor o que é a carta de crédito e mostrar seu uso em negociação imobiliária – para quem compra e quem vende. Também vamos te explicar o passo a passo do que fazer quando a carta é contemplada. Ah, e a gente também tira dúvidas sobre o uso da carta de crédito em um imóvel que ainda não teve financiamento quitado!

O que é, e como funciona a carta de crédito imobiliário

Para entender o que significa uma carta de crédito, a gente parte primeiro da figura do consórcio imobiliário: uma associação de pessoas (físicas ou jurídicas) unidas para comprar imóveis de qualquer tipo – na planta ou construídos, casas ou apartamentos, residenciais ou comerciais, etc.

Essa modalidade de crédito é feita coletivamente por esses consorciados, que criam um fundo gerido por um banco / instituição administradora credenciada junto ao Banco Central. A instituição emite, via sorteios ou lances mensais, cartas de crédito para os consorciados pagarem pelo bem que querem comprar, com o financiamento do banco credenciado.

Na prática, a forma como funciona a carta de crédito imobiliário é simples: quando ela é contemplada a um determinado participante do consórcio – que já fez a devida análise de crédito -, esta pessoa recebe a autorização de financiamento, como se fosse uma espécie de “vale-compra” – usado apenas para pelo valor estabelecido e com a devida finalidade.

Este valor que a gente mostrou acima é determinado no momento que se opta pelo consórcio, com o banco / instituição administradora do consórcio gerindo o dinheiro e os sorteios mensais, mas também é corrigido. Com a carta em mãos, já se pode efetuar a compra do imóvel. E, claro, depois de adquirir o bem, o consorciado segue pagando as parcelas até o final do período estipulado.

O vídeo abaixo explica mais detalhes de como funciona a carta de crédito imobiliário.

Vantagens da carta de crédito imobiliário

A carta de crédito imobiliário tem uma série de vantagens para quem prefere a modalidade do consórcio.

  • Segurança patrimonial: a carta só pode ser usada pelo consorciado que a solicitar, mantendo controle total sobre a compra;
  • Garantia de poder de compra: uma carta de crédito não exige pagar impostos ou taxas como uma operação de transferência tradicional entre contas;
  • Flexibilidade: existem diferentes modalidades de carta de crédito pelas quais os consorciados podem optar. E também dá para escolher com bastante variedade qual o tipo de imóvel que se vai querer comprar com ela;
  • Pagamento “à vista”: a carta de crédito é usada de forma muito parecida com um pagamento à vista, garantindo poder de negociação para que o vendedor saiba que receberá o valor do produto já no curto prazo;
  • Venda: se você desistir de esperar por sua carta de crédito ou tiver mudado de planos, pode optar por vender sua cota do consórcio – desde que encontre quem compre sob as condições que foram pactuadas com os demais membros. 

Sabendo de algumas vantagens da carta de crédito imobiliário, vamos responder a algumas perguntas importantes para quem lida com ela.

Como vender um imóvel recebendo carta de crédito

Se o seu caso é a dúvida de como vender seu imóvel recebendo carta de crédito do consorciado, pode ficar tranquilo. Como as administradoras credenciadas que gerem consórcios imobiliários têm práticas já organizadas para garantir que a carta seja como um dinheiro à vista, você vai receber a quantia diretamente da gestora, e não do consorciado.

Ou seja: assim como em outros casos de financiamento imobiliário, o que é definido entre o banco/administradora e o cliente fica entre eles, e o valor da carta em si será diretamente convertido para você. 

Ah – e como também existem possibilidades para o consorciado de complementar o valor usando o FGTS, você tem margem de negociação para ver qual solução é melhor para os dois lados em questão de sinal ou parcelas, por exemplo!

Agora que a gente tem uma ideia de como é vender imóvel recebendo carta de crédito, já sabe que tem uma boa possibilidade em mãos para fazer a venda.

A carta de crédito foi contemplada. Qual imóvel dá para comprar?

Se você é um consorciado e ganhou o sorteio – ou seja, a carta de crédito foi contemplada -, o imóvel já fica bem mais próximo de virar realidade! Se ainda não foi o seu caso, existem duas formas de conseguir a contemplação: o sorteio mensal em si e a oferta de um lance. Se você tiver uma reserva que possa servir para adiantar seu pagamento à administradora, suas chances de ser contemplado ficam cada vez mais reais.

A partir do momento em que a administradora comunica que a carta de crédito foi contemplada, o imóvel já fica bem perto de poder ser comprado. Primeiro, a administradora vai te passar as orientações necessárias, além de pedir novamente sua documentação e algumas garantias de crédito e renda atualizadas antes de efetivamente entregar a carta.

Para se preparar quando for contemplado, é importante seguir especialmente algumas coisinhas:

  • Procure o imóvel com calma! A carta de crédito tem valor corrigido após ser contemplada – não é como se fosse dado a você um cheque de valor fixo. Trabalhar com paciência vai te permitir negociar valores melhores e escolher o imóvel com as características que realmente servem para você.
  • Mantenha o foco nas parcelas. Dá sempre para desistir do consórcio antes de usar a carta de crédito. Porém, depois de usar, é compromisso definitivo. Então estar preparado para pagar tudo certinho antes e depois é fundamental.

Com tudo em mãos, é partir para realizar seu sonho!

Posso pagar financiamento com carta de crédito?

Como a carta de crédito traz diferentes possibilidades, uma delas que é mais procurada é: posso pagar financiamento com carta de crédito? E a resposta é sim, você pode! Quitar um financiamento imobiliário de sua titularidade é uma possibilidade excelente de abater os custos com as parcelas e os juros subsequentes.

O importante ao cogitar a possibilidade é consultar o banco no qual está a operação de financiamento. Ele vai ser parte do processo de liberação como interveniente. Dá uma olhada nos procedimentos necessários:

  • Documentos do imóvel a ser quitado e certidões são entregues à administradora do consórcio;
  • Com a análise dos documentos e a aprovação, o consorciado assina um contrato/escritura (junto ao representante do banco), e a administradora paga o saldo devedor do banco;
  • A escritura/contrato é registrada/o no cartório de imóveis;
  • A dívida e a alienação passam para a administradora de consórcios. 

Lembrando que isso só é possível se o valor da carta de crédito é igual ou maior do que o saldo devedor do financiamento!

Agora que você tem a resposta para “posso pagar financiamento com carta de crédito”, tem ainda mais possibilidades para explorar!

Financiamento e consórcio são coisas diferentes!

Optar por adquirir o imóvel próprio é sempre uma boa pedida

Quando a gente fala de crédito imobiliário, o fato é que não existe uma resposta certa para todo mundo: ela depende do seu perfil e do seu momento de vida. Pode ser consórcio, financiamento ou empréstimo para completar uma compra à vista.

Aqui na Loft, por exemplo, nossa equipe de crédito trabalha justamente para facilitar sua vida na hora de financiar os imóveis do nosso catálogo. A gente negocia a aprovação do seu crédito diretamente com os principais bancos do país, garantindo que você possa escolher a proposta mais vantajosa para o seu bolso – sem se estressar com burocracias como documentação e registro do contrato de financiamento. Tudo sem custos extras!


Do início ao fim do seu financiamento, a gente está do seu lado para garantir o melhor para você assegurar seu imóvel numa boa. Vem conhecer o apê dos seus sonhos com a Loft!

Outros assuntos que podem lhe interessar

Assine nossa Newsletter
Assine nossa newsletter